Jubileu Sul/Américas – Apoio à resistência anti-mineração da comunidade Rio Branco, no Equador

Por Rede Jubileu Sul/Américas

Organizações membros da rede Jubileu Sul Américas respaldam as ações que a comunidade camponesa de Rio Branco, na província de Azuay, no Equador, estão realizando para pedir ao governo a suspensão da atividade de mineração da companhia chilena Junefield Mineral Resource (Ecuagoldimining S.A.), que exploraria ouro e prata. A comunidade reclama pelos impactos que já estão sentindo na fase de construção da mina como são principalmente as consequências às fontes de água. As organização estão preocupadas, sobretudo, com a militarização na área em resposta às justas demandas da comunidade.

Por isso, rechaçamos os projetos de exploração mineira industrial e pedimos ao governo equatoriano que garanta o pleno respeito aos direitos dos povos, neste caso, a comunidade de Rio Branco, que manifestou ser contra a atividade mineira e a suspensão de todo tipo de intervenção. Isto é o que esperamos de um país que promove os princípios do Sumak Kawsay e o reconhecimento dos direitos da natureza e o reconhecimento dos direitos da natureza; e que atualmente encontra-se incentivando um tratado internacional que obriga as empresas transnacionais a respeitarem os direitos humanos.

América Latina e Caribe

31 de agosto

Não devemos. Não pagamos!

Somos os povos, os credores!

A seguir

Henrique Meirelles e o nocivo sistema de perdão às dívidas. Quem pagará?

Henrique Meirelles e o nocivo sistema de perdão às dívidas. Quem pagará?