Inscrições abertas para seminário regional “Financeirização da Natureza – o que se faz em nome do clima e do meio ambiente?”

Imagem Seminário Regional SP 15 a 17 julho 2016A rede Jubileu Sul Brasil e o Fórum Mudanças Climáticas e Justiça Social realizarão nos dias 15, 16 e 17 de julho, o seminário regional “Financeirização da Natureza – o que se faz em nome do clima e do meio ambiente?”. O evento acontecerá no Centro de Formação Sagrada Família (Rua Pe. Marchetti, 237 – Ipiranga), em São Paulo.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas através do e-email: secretaria@jubileusul.org.br

O seminário tem como objetivo perceber como as mudanças climáticas são sentidas e estão afetando a vida das pessoas e da Mãe Terra em cada região; compreender de forma crítica as causas provocadoras das mudanças climáticas e suas consequências, denunciando os problemas enfrentados pelos povos e comunidades e os diferentes níveis de responsabilidade dos que mantêm o sistema dominante; e fortalecer e dar visibilidade às resistências e alternativas, construindo novas formas de ações locais e articulações nacionais, na perspectiva do bem viver.

Confira a programação:

15 de julho (sexta-feira)

18h – Chegada, recepção e jantar

19h30 – Informe sobre os objetivos do seminário

– apresentação dos participantes

16 de julho (sábado)

08h30 – Mística

9h – Conversa com assessores/as sobre: Financeirização da Natureza – o que se faz em nome do clima e do meio ambiente?

Financeirização da Vida e da Natureza (REDD, crédito de carbono, mercantilização da natureza; O mito da natureza intocada; Uso e ocupação da terra, a questão fundiária no Estado de São Paulo

10h15 – Intervalo

10h30 – Debate em plenário

11h30 – O caso da FIBRIA (Wagner Giron De La Torre, Defensor Público – 2ª Defensoria Pública de Taubaté)

12h – Almoço

13h30 – Conversa com assessores sobre: “As lutas e a resistência nos territórios”

Como se construiu a lei de privatização dos parques no Estado de São Paulo;- Depoimento dos atingidos pela Fibria; Depoimento sobre a privatização do Parque de Apiaí; Depoimento dos ameaçados por barragens do Rio Ribeira de Iguape, exemplo de luta e resistência.

15h30 – Intervalo

16h00 – Debate em plenário

17h30 – encerramento e descanso

17 de julho (domingo)

8h30 – Retomada dos trabalhos sobre estratégias de luta e resistências

10h00 – Informe sobre a articulação do FMCJS e demais informes da rede.

12h00 – Almoço e encerramento

Para mais informações:

Site: www.jubileusul.org.br

Facebook: Jubileu Sul Brasil

Comunicação: Rogéria Araujo: 85.99169.2566

A seguir

Assista online: Pacs promove debate sobre financeirização da natureza e Brics no Rio de Janeiro

Assista online: Pacs promove debate sobre financeirização da natureza e Brics no Rio de Janeiro